Foot Brazilian World Magazine

Quarta-feira, 28 de Fevereiro de 2024
Novo treinador da seleção,Fernando Diniz enaltece Neymar ''uma aberração ''

Seleção Brasileira

Novo treinador da seleção,Fernando Diniz enaltece Neymar ''uma aberração ''

Novo treinador da seleção,Fernando Diniz enaltece Neymar

IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

  Rio de Janeiro 06-07-2023 

Novo técnico interino da seleção brasileira, Fernando Diniz fez questão de exaltar a figura de Neymar. Questionado sobre o camisa 10 do Brasil nas últimas três Copas do Mundo, o treinador fez vários elogios ao atacante do PSG, que não atuou nos três amistosos de 2023.Diniz elogia Neymar: "É quase uma aberração, um supertalento"“Minha opinião é que a palavra que me vem é que ele é quase uma aberração”, declarou Diniz.

– Ele é um super talento e que demora muito tempo para nascer outro. O Brasil tem a sorte de ter um jogador assim de tempos e tempos. A gente tem que tirar o máximo dele. É um fora de série quando se trata de jogar futebol – completou o técnico da Seleção e do Fluminense.

O próprio atacante do PSG elogiou Fernando Diniz, antes mesmo de saber que o treinador assumiria o comando interino do Brasil.O jogador afirmou que o técnico do Fluminense seria um bom nome para a Seleção.

 

– A Seleção vai ter a oportunidade de ter um treinador estrangeiro dessa vez, eu conheço pouco o nome que estão especulando, também tinha outro treinador do Brasil que, inclusive, eu pensei que seria ele. Na minha ideia, o cara ideal hoje para a Seleção era o Diniz, eu escancaro porque é um p... treinador, o jeito dele com a seleção brasileira iria muito bem – declarou.

Neymar comemora gol marcado pela seleção brasileira contra a Coreia do Sul na última Copa do Mundo — Foto: Lucas Figueiredo / CBF

Neymar comemora gol marcado pela seleção brasileira contra a Coreia do Sul na última Copa do Mundo — Foto: Lucas Figueiredo / CBF

Aos 31 anos, Neymar não faz um jogo oficial desde o fim de fevereiro, quando teve uma lesão no tornozelo direito pelo PSG. Ele não atuou nos três amistosos do Brasil sob comando de Ramon Menezes, na derrota para Marrocos, em março, e na vitória contra Guiné e derrota para Senegal, em junho.

FONTE/CRÉDITOS: Globo.com
Comentários: